Pular para o conteúdo principal

O que seria vencer na vida?

Ei! hoje quero compartilhar com vocês um lindo texto que vi em uma rede social, não me pergunte a fonte, só copiei e guardei para postar no blog rsrsrs...Não me lembro onde encontrei, mas espero que gostem! É uma linda mensagem.
 stocksnap.io
Quando olhamos para o mundo atualmente, temos a visão de que devemos ser vencedores nessa vida, pessoas de sucesso, que atingem ''seus'' objetivos. São pessoas bem sucedidas no trabalho, que rendem muito para a empresa, que tem muito dinheiro e conseguem comprar tudo aquilo que querem, e por isso são bem sucedidas. Estive pensando sobre isso, e esses objetivos alcançados para sermos bem sucedidos, são mais vontades do coletivo, das regras da sociedade, do que propriamente nossos objetivos. O mundo quer que sejamos produtivos para que os bens sejam produzidos em larga escala, e também temos que ter um poder de compra, pra comprarmos aquilo que ajudamos a produzir, dando a sensação de que somos pessoas de sucesso, pois compramos coisas.
Mas e se para alguém, ser bem sucedido for tocar corações com uma mensagem, ou alegrar alguém com uma música, ou mesmo ter a oportunidade de todos os dias ver o nascer e o pôr do Sol na praia, talvez, no meio da tarde, sair com os amigos, ou quem sabe seja servir ao próximo sem precisar de nenhuma contrapartida financeira, quem sabe essas coisas é que façam alguém bem sucedido? Não meça o seu sucesso pelo seu poder de compra, sua vida é mais importante do que qualquer coisa que se possa comprar, não subordine-se às coisas desse mundo, antes, viva plenamente a vida que Deus te deu, contemplando toda a beleza da criação. Seja feliz!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Paixão por História com Felipe Dideus e Débora Aladim

Desesperadamente sem rumo? Não consegue entender sua professora de História? Calma que dois YouTubers vão resolver seu problema de uma forma bem diferente. Felipe Dideus, 23 anos, São Lourenço - MG e Débora Aladim, 18 anos, Belo Horizonte - MG, serão os primeiros entrevistados do blog. A paixão deles pela matéria fez com que tivessem vontade de compartilhar, criando assim um canal no youtube, porém ambos tem um jeitinho diferente de te fazer entender melhor o que aconteceu no passado do nosso queridíssimo Brasil. Vamos começar nossa entrevista!
Primeira pergunta, quando começou essa paixão por História? Felipe Dideus:Bem, sempre gostei, mas o meu interesse cresceu mesmo quando comecei a atuar no canal. Quando entrei de cabeça nessa jornada chamada história. Débora Aladim: Eu sempre amei história, é a paixão da minha vida.
Como surgiu a ideia de fazer um canal no YouTube para ensinar historia de uma forma tão diferente e personalizada? Felipe Dideus: Eu fazia parte da equipe de uma página, …

Cabelo repartido ao meio vira tendência entre as mulheres

Agora a moda é partir o cabelo ao meio, durante muito tempo as mulheres usaram o cabelo com franja para o lado, mas atualmente algumas famosas adquiriram a moda de partir o cabelo ao meio e isso virou febre.
Para mostrar essa tendência entre as mulheres, vamos ver algumas fotos da Maria Clara Lima, ela que é cantora, modelo e atriz, tem algumas fotos em seu Instagram, aderindo a esse novo estilo.




Lembrando que devemos observar sempre o formato do nosso rosto na hora de mudar o visual.  E vocês o que acharam? Eu já abandonei a franja!

Resenha | É FADA! - Kéfera Buchmann

É FADA! - foi lançado no dia 06 de outubro de 2016, dirigido por Cris D´Amato, o filme foi baseado no livro ''Uma fada veio me visitar'', por Thalita Rebouças. Um elenco formado por Klara Castanho, Charles Paraventi, Bruna Griphão entre outros e a personagem principal, claro, a forte presença da youtuber Kéfera Buchmann. No filme ela interpreta a fada Geraldine, onde sua missão para conseguir suas asas é ajudar a adolescente Júlia (Klara Castanho), que precisa se enturmar na nova escola, a garota não tem a vida fácil, sofre com a separação dos seus pais e seu jeito nada feminino interfere em sua vida social. A garota ao chegar em seu quarto se surpreende com uma fada sem asas, onde tudo começa com uma simples frase: você só tem três...
A partir dai a Júlia tem algumas alterações no seu visual e em sua vida social, passando por altos e baixos para conseguir se enturmar, o filme destaca que devemos aceitar quem somos de verdade, sem preconceitos ou uma forma padrão para …